Biblio

Ficção e poesia
  • oourodooutro. Rio de Janeiro: TextoTerritório, 2108. (Poesia) . NO PRELO
  • Olhos livres. Juiz de Fora: Macondo, 2016. (Poesia, livro-objeto para leitura não humana)
  • I. Rio de Janeiro: Textoterritório, 2015. (Poesia)
  • Venta não. Juiz de Fora: Funalfa; Rio de Janeiro: Textoterritório, 2013. (Poesia)
  • Outra - poesia reunida no sarau de Manguinhos. Rio de Janeiro: TextoTerritório, 2013. (Organização de antologia poética, com Oswaldo Martins)
  •  Lágrima palhaça. Juiz de Fora: Aquela Editora, 2012. (poesia)
  • "Corcovado", conto incluído na antologia Só agora vejo crescer em mim as mãos de meu pai. Lisboa: Pasárgada Edições, 2010.
  • Urânia. Rio de Janeiro. TextoTerritório, 2009. 1ª reimpressão, 2012.  . (Poemas - Cartão-postal, Curta-metragem e Web site)
  • Anacrônicas. Rio de Janeiro: 7Letras, 2005. (Romance). 2ª edição: Rio de Janeiro: TextoTerritório, 2013. 
  • "Cidades, museus". Conto publicado na Tribuna de Minas, Juiz de Fora, 13/10/2013.
  • "4 poemas". In: CASA - Cadernos de semiótica aplicada. Vol. 2.n.2, dezembro de 2004. (poesia)
  • "Le seuil de la vie". In: Ecrits... vains?, Théma, septembre, 2000. (Poesia).
  • “O desencanto das ruas”. In: Escrita: Revista dos Alunos do Programa de Mestrado e Doutorado em Letras da PUC-Rio. Rio de Janeiro: PUC-Rio: Departamento de Letras, 1997 (Poesia). 
  • “Poemas”. In: Duas águas. Campinas - SP: Unicamp - Instituto de Estudos da Linguagem, 1997 (Poesia). 
  • “Retrato de uma mulher da esquina”. In: Escrevendo Mulheres. Rio de Janeiro: Litteris, 1995 (Conto). 
  • “Poemas” In: Vida toda linguagem. Rio de Janeiro: UERJ: Departamento Cultural, 1994 (Poesia).


Ensaio e crítica

  • Identidade e diferença: territórios culturais na contemporaneidade. 1. ed. Rio de Janeiro: ABRALIC - Associação Brasileira de Literatura Comparada, 2018. E-book coorganizado com Julia Almeida e Paulo Roberto Tonani do Patrocínio.
  • "Mergulho nas emergências: margem de dentro e margem de fora na literatura brasileira". In: Claudete Daflon; Maria Fernanda Garbero; Matildes Demétrio dos Santos. (Org.). Agentes do contemporâneo. Niterói: Eduff, 2016.
  • Modos da Margem - figurações da marginalidade na literatura brasileira. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2015. Livro em coautoria com João Camillo Penna e Paulo Roberto Tonani do Patrocínio.
  • "O deslocamento em Ninguém é inocente em São Paulo como apropriação da cidade". In: Ricardo Barberena; Regina Dalcastagnè. (Org.). Do trauma à trama: o espaço urbano na literatura brasileira contemporânea. Porto Alegre: Luminara, 2015.
  • "Rumo a 2022: apontamentos sobre alguma poesia, brasileira, contemporânea". Revista Z Cultural (UFRJ), v. IX-02, p. 1, 2014.
  •  "A procura da materialidade da poesia". In: Wellington Ferreira Lima; Laura Nogueira Pacheco. (Org.). 4x crítica de poetas x4. Alfenas: UNIFAL, 2014.
  • "Leite derramado: antípoda da literatura marginal". In:  O futuro pelo retrovisor: inquietudes da literatura brasileira contemporâneas. Giovanna Dealtry, Stephania Chiarelli, Paloma Vidal (Org.). Rio de Janeiro: Rocco, 2013.
  • Revista Ipotesi - Vol. 15, nº 2, 2011. Literatura Marginal. Organização e apresentação do volume.
  • "Budapeste, ou a inversão de babel". In: Alguma prosa. Giovanna Dealtry, Masé Lemos, Stefania Chiarelli. Rio de Janeiro: 7Letras, 2007. 
  • Poesia e Vida: Anos 70. (org). Juiz de Fora: Ed. UFJF, 2007.
  • "Severinos e Iracemas: uma leitura do Brasil em fotos de Sebastião Salgado e canções de Chico Buarque". In: Verbo de Minas: Letras. v. 5, n. 10. CES/JF: Juiz de Fora, 2006.
  • "Matrix-Brasil (ou não verás país nenhum como este)".In: Ipotesi, Juiz de Fora, v. 8, n. 1/2, p. 173-183, 2005. 
  • Literatura de Subtração. Rio de Janeiro: Rio Virtual Papiro Editora, 1999. v. 1. 203 p.
  • "Central do Brasil: Terra Estrangeira". Escrita: Revista dos Alunos do Programa de Mestrado e Doutorado em Letras da PUC-Rio, Rio de Janeiro, v. 4, p. 165-181, 1999. 
  • "Do flanêur ao zappeur: as técnicas de produção e reprodução de imagens em João do Rio e João Gilberto Noll". Qvinto Império, Salvador, v. 1, n. 10, p. 101-111, 1998. Republicado no site oficial de João Gilberto Noll.
  • "Tempo e Artista: biografia e ficção na literatura contemporânea". Escrita - Revista dos Alunos do Programa de Mestrado e Doutorado em Letras da PUC-Rio, Rio de Janeiro, v. 2, p. 13-29, 1996.



Crônicas, Resenhas, Prefácios, Orelhas, Verbetes, Entrevistas etc

  • "O lugar e a fala da periferia". Debate de João Camillo Penna com Alexandre Faria e Paulo Roberto Tonani do Patrocínio. Letterature d'America, v. 161-162,  2016.
  • Orelha do livro Universidágua, de Luiz Fernando Medeiros e André Monteiro. Juiz de Fora: Bartlebee, 2016.
  • "A utopia do aqui agora". In:  Em que creio eu. Faustino Teixeira e Carlos Rodrigues Brandão. São Paulo: Terceira Via. Fonte Editorial, 2017.
  • "A fluidez artística entre as estruturas". Entrevista para Leslie Chaves e João Vitor Santos,   IHU On-Line, São Leopoldo (RS), 03 nov. 2015.
  • "Una novela para quienes creen en la palabra". Posfácio para a tradução argentina do romance Deus foi almoçar, de Ferréz. Dios se fue a almorzar. Trad. Lucía Tennina.  Buenos Aires: Corregidor, 2014
  • "Ponta de areia, ponto final, ponto de partida: uma utopia brasileira". Prefácio do livro Ponto de partida um país em cena : identidade e cultura contemporânea no teatro musical, de Fernanda Fernandes. Juiz de Fora, 2012.
  • Orelha do livro Voragens, de Carolina Barreto. Juiz de Fora, 2012.
  • "A palavra escrita, falada e cantada como realizações da arte literária". Entrevista para Graziela Wolfart e Pedro Bustamante Teixeira . IHU On-Line, São Leopoldo (RS), 14 nov. 2011
  • Orelha do livro Cosmologia do impreciso, de Oswaldo Martins. Maio 2008.
  • "Hoje quem paga sou eu - Ronaldo Werneck (co)memora a noite (americana)". Suplemento Literário de Minas Gerais, fevereiro 2008. Republicado em WERNECK, Minerar o branco. São Paulo: Artepaubrasil, 2008, p. 269-273 
  • "Três meninas do Brasil". Aguarrás, 31 janeiro 2008
  • Entrevista: Érico Braga Barbosa Lima. Aguarrás, 05 julho 2007.
  • Poesia em Cena. Aguarrás, 18 maio 2007.
  • Cuidado com o cão. Aguarrás, 11 maio 2007.
  • Anátema - um jogo vital. Aguarrás, 13 abril 2007.
  • A nossa ratoeira. Aguarrás, 29 março 2007.
  • Duas águas e uma pororoca. In: BATALHA, Rogério . Anfíbio. Rio de Janeiro, 2005.
  • Millôr Fernandes e Junqueira Freire (verbates). In: José Augusto Cardoso Bernardes; Anibal Pinto de Castro; Maria de Lourdes A. Ferraz; Gladstone Chaves de Melo; Maria Aparecida Ribeiro. (Org.). Biblos - Enciclopédia das Literaturas de Língua Portuguesa. 1 ed. Lisboa: Verbo, 1997, v. 2, p. 511 e 700.